domingo, 28 de junho de 2009



quando eu morrer; e esse dia vai chegar, será num dia como hoje.
disso eu tenho certeza...

.

8 comentários:

Muryel De Zoppa disse...

estragou a surpresa, desgracido!

Diego El Khouri disse...

Morrer é uma viagem estranha... Se mais o que dizer...

Diego El Khouri disse...

Morrer é uma viagem estranha, insondável, inevitável... se mais o que dizer.

morenarosa. disse...

um dia será, com certeza. ainda que noite, ou tarde. rsrs... mas dentro desse nosso tempo, pelo menos nessa vida. :)

ps- adorei a da cigana! haahahha

surto irreal disse...

hahahahaha,
já usei esse pseudonimo aí algumas vezes...
na real minha namorada e minha família não gostaram, acharam que eu estivesse tendo uma recaída e começaram a procurar os azuis em minhas roupas, gavetas. daí, tive de dispensar né?!

surto irreal disse...

hahahahahaha!
na real já usei essa alcunha por vezes. mas meus familiares e amigos próximos não gostaram, acharam que eu estivesse tendo uma recaída, começaram a revistar minhas roupas, gavetas e caixas de fóforos em busca dos insólitos azuis. daí, quando minha irmã negou-se a me emprestar-me o carango, tive de suspender a idéia! mas até que é uma boa, multifacetada versão personal, quem sabe até possa render uma frenética imersão sazonal aos fundos do mercadão cooltural?
box 666!
um brinde ao detlev e christiane, esses sim sabem o que é um bom
gra(al)u!

surto irreal disse...

acho que postei 2, se for publicar desconsidere o primeiro

Robisson Sete disse...

bla bla bla ...